MATÉRIA, TEORIA DA

Desde que G. Mie publicou, em 1912, seus fundamentais trabalhos, se entende por teoria da matéria todo intento encaminhado a descrever a existência das partículas elementares que integram a matéria como soluções próprias das equações diferenciais de seus campos de força, ou seja, como pontos singulares permanentes do campo. Ao mesmo tempo, tratam de explicar as propriedades observáveis das partículas, massa, carga, momentos eletromagnético e mecânico (spin), como propriedades naturais destas soluções singulares. Enquanto para a massa se utiliza a equivalência relativística entre massa e energia, E = mc², onde E é a energia de campo total, o ulterior desenvolvimento da teoria da matéria tem conduzido à conclusão de que em pequeníssimas distâncias das partículas é preciso introduzir notáveis modificações nas conhecidas equações de campo clássicas ( por ex., nas equações de Maxwell) e que, ademais, é necessário utilizar a teoria qüântica dos campos de ondas. Apesar dos notáveis progressos realizados no tratamento formal destas questões, até hoje em dia (2006) não se dispôe de uma teoria satisfatória das partículas elementares.

Sobre seletynof

Escola (ensino médio):Colégio Marista Cearense;Faculdade/Universidade: Universidade Federal do Ceará;Curso:Física; Diploma:Pós-Graduação em Física;Profissão:físico e professor; Setor:Científico.

Publicado em 13 de janeiro de 2007, em FISICAMATEMATICA. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: